Uma boca saudável melhora o rendimento desportivo

Uma boca saudável melhora o rendimento desportivo

Não são raros os casos em que os atletas de alto rendimento parecem mais cansados, indispostos ou com dores e acabam por não dar o seu melhor fisicamente nas práticas desportivas.

As cáries, a doença periodontal e disfunção da articulação temporomandibular (ATM) são os problemas dentários que mais afetam o rendimento dos atletas.

Estas patologias impedem uma alimentação correta, podem originar dores de cabeça insuportáveis e a respiração oral provoca ineficiência do aproveitamento do oxigénio pelo organismo.

Sabia que:

  • Um dente com infeção pode diminuir o rendimento desportivo até 22%;
  • Uma lesão muscular pode demorar até 2 vezes mais tempo a recuperar se existir uma patologia dentária concomitante;
  • Um problema nas gengivas pode comprometer o coração, as articulações e dificultar a recuperação de lesões musculares;
  • Uma má oclusão, ou a falta de dentes gera problemas na mastigação, prejudicando a absorção dos nutrientes, podendo provocar desequilíbrios musculares, dores de cabeça, desconforto e stress;
  • Cada desportista envolvido num desporto de contacto tem 10% de possibilidades de sofrer um traumatismo dentário ou oral e , sem o uso de protetor bucal personalizado esse risco aumenta mais de 60 vezes;

As visitas frequentes ao dentista podem melhorar o desempenho desportivo e prevenir doenças cardíacas crónicas, de estômago, rins, intestinos e nas articulações.

Quando a saúde oral não está em harmonia, as bactérias e os fungos naturais dessa região podem proliferar-se e atingir outros órgãos. Deste modo, é necessário que os atletas sejam submetidos a exames odontológicos minuciosos e regulares.

Se quer dar o seu melhor dentro de campo, caminhadas ou piscina, marque já a sua consulta online ou numa clínica Smile.up perto de si.

Comments are closed.